20 e 27 de novembro | 10h00 – 13h00 & 14h00 – 17h00

12 horas

Espaço Gera Gera

60€

Desenvolvimento Sensorial na 1ª infância

DESTINATÁRIOS:
Educadores de infância, Professores, Auxiliares de ação educativa e Animadores socioculturais.

BREVE ENQUADRAMENTO:
A Integração sensorial oferece oportunidades para a criança organizar a sua conduta, fornece condições para explorar as suas necessidades e faz com que o sistema nervoso organize os estímulos, produzindo com isso respostas adaptativas adequadas exigidas pelo ambiente, uma vez que as sensações devem ser proporcionadas de forma agradável gerando prazer. Quando isso acontece de forma adequada, ocorre o processo chamado de Integração ou Processamento Sensorial com o objetivo de promover o desenvolvimento do ser humano.

O desenvolvimento infantil e a integração sensorial agem de modo integrados, que segundo Ayres (2005), explica que a criança desenvolve a capacidade de organizar inputs sensoriais inicialmente experimentando sensações, porém sendo incapaz de dar significado a elas. Inputs sensoriais referem-se às funções recetivas: à capacidade para selecionar, adquirir, classificar e integrar as informações, isto é: a sensação, perceção, atenção e concentração.

OBJETIVOS GERAIS:

  • Conhecer o impacto que os diversos sistemas sensoriais têm no desenvolvimento da criança, principalmente na 1ª infância;
  • Desenvolver e abordar os princípios gerais e fundamentais de intervenção sensorial;
  • Capacitar profissionais de ferramentas terapêuticas para desenvolver a Integração Sensorial como uma metodologia de aprendizagem;

 

OBJETIVOS ESPECÍFICOS:

  • Promover a sensibilização para a estimulação sensorial precoce;
  • Conhecer as áreas sensoriais mais importantes no desenvolvimento infantil;
  • Potenciar a eficácia do trabalho pedagógico dos 0 aos 3 anos;
  • Explorar capacidades neuro-sensoriais;
  • Potencializar a integração sensorial como um método inclusivo na educação;
  • Conhecer algumas de disfunções especificas (mais comuns) no desenvolvimento infantil e promover a sua reabilitação através da metodologia da autora Emmi Pikler;
  • Identificar sinais de alarme no desenvolvimento e aprendizagem infantil;

Vanda Gato

Vanda Gato

Os conteúdos programáticos da formação serão organizados por módulos, segundo um desenvolvimento sequencial.

Módulo 1 – Teorias sobre importância da Integração Sensorial
• Os sistemas sensoriais no desenvolvimento global;
• A teoria da integração sensorial desenvolvida por Jean Ayres;
• Os sistemas sensoriais e as suas implicações no desenvolvimento e aprendizagem infantil;
• A Integração Sensorial como um processo de organização e propósito;

Módulo 2 –  A Integração Sensorial nos 1ºs anos de vida, dos 0 aos 3 anos
• Definição de Processamento sensorial;
• A Intervenção Precoce e a intervenção sensorial;
• Objetivos e princípios da Abordagem e metodologia Pikler;
• A importância do movimento, acessibilidade, autonomia e exploração livre da criança;
• A criança como um Ser Natural e explorador;

Módulo 3 – Transtornos de processamento sensorial
• Modulação Sensorial;
• Transtorno de modulação sensorial;
• Disfunções Sensoriais, Distúrbios neurológicos e comportamentais;
• Transtorno do Deficit da Natureza;
• A Intervenção terapêutica e sensorial na deficiência ou NEE’s;

Módulo 4 – Terapia e Intervenção sensorial no desenvolvimento
• As modalidades sensoriais e/ou sistemas representacionais de comunicação;
• Organização e estruturação do ambiente de terapia (circuitos e áreas/objetos sensoriais);
• Planificação de atividades práticas para brincar ao Ar livre;
• Planificação de atividades de neuro desenvolvimento sensorial;

METODOLOGIA:
– Potenciar a eficácia da aprendizagem de capacidades e competências por parte dos formandos através de uma metodologia integrada e ativa:
– Troca e partilha de experiências;
– Brainstorming;
– Exercícios práticos;
– Discussões em grupo;
– “Role-plays”, estudos de caso, entre outros;
– Método expositivo (abordagens teóricas dos conteúdos, sistematização teórica)
– Método interrogativo (recurso à formulação de perguntas).

AVALIAÇÃO:
Avaliação Formativa: Será realizada ao longo da ação e terá como eixos de análise os conhecimentos e capacidades adquiridas e/ou desenvolvidas pelos formandos. Esta avaliação será operacionalizada através de dinâmicas de participação, empenho, relacionamento interpessoal, espírito critico e aquisição/aplicação de conhecimentos demonstrado durante toda as práticas pedagógicas desenvolvidas.

DGERT

Formação Certificada pela DGERT

Inscrição

Inscrições Encerradas

Subscreva a nossa newsletter e fique a par de todas as novidades!

.